RESENHA – O Mochileiro das Galáxias, volume quatro: Até Mais, E Obrigado Pelos Peixes!, de Douglas Adams

A capa da nova edição de 2009

Este é o quarto livro da aclamada série de humor e ficção científica de Douglas Adams, já falecido há quase dez anos. Sua obra continua firme e forte no coração de seus fãs, e até hoje os livros dele são lidos, relidos, comentados e, claro, resenhados.

Infelizmente essa é a pior resenha que eu tive de fazer em muito tempo. Me doeu na fé nerd que todos carregamos no peito. Definitivamente foi decepcionante.

A história deste volume continua as intrépidas aventuras de Arthur Dent, agora de volta ao seu planeta natal, estranhamente de volta ao lugar (ele fora destruído lá no primeiro volume). Tudo parece estar no lugar, exceto os golfinhos, que misteriosamente sumiram do planeta. Depois de 8 anos de viagens loucas pelo espaço, Arthur finalmente parece apto a descansar e relaxar, inclusive ao lado de seu recém descoberto amor, Fenchurch (que nome ridículo… nem sei se era para ser assim mesmo…)

E infelizmente daí a história não anda muito. Logo no início sabemos que Arthur está de volta a Terra e que tudo está em seu devido lugar, inclusive sua velha casa. Mas como tinha que ser, logo vimos que não é bem assim. O protagonista conhece a garota problemática Fenchurch, com quem vive um louco amor (louco mesmo…). Os dois têm certos problemas em aceitar que a Terra devia ser desse jeito, então saem em busca de respostas.

Se nos volumes passados eu ri a valer, de capítulo a capítulo, nesse volume eu cheguei a me entediar em certas passagens, tanto que demorei mais do que de costume para ler. As escassas piadas não divertem tanto quanto antes, e algumas soam até mesmo forçadas. A forte crítica ao ser humano também parece ter sido esquecida, o que é uma pena. Adams, por quê???

O romance de Arthur enche a maior parte do livro, e acaba enchendo o saco também. Tudo bem colocar o romance, as cenas divertidas (sexo nas nuvens!), mas daí enrolar com isso por dezenas de páginas é ridículo. A trama parece que pára no meio do caminho, para ser retomada só depois. Se no terceiro volume alguns reclamaram da pouca importância da trama principal, nesse todos vão virar o Marvin. A trama principal simplesmente não é interessante e não tem muita importância.

Os colegas tresloucados dos dois primeiros livros nunca mais ficaram juntos, e aqui a coisa se repete. Zaphod e Trillian mal são mencionados, e Ford poderia ter tido papel mais relevante. Marvin ao menos faz a sua magistral participação final, num dos raros momentos memoráveis do livro. No fim, Arthur Dent e Fenchurch simplesmente dominaram a maior parte do livro, jogando todos os outros para escanteio.

Outro detalhe importante é que as explicações foram largadas de mau jeito para o leitor, sem o devido cuidado. Por que a terra voltou ao lugar? O que aconteceu com os ex-companheiros de Arthur? E os golfinhos? E A Pergunta Fundamental? Quanto à última, temos no finzinho do livro a contemplação da Mensagem Final de Deus para a sua Criação, num momento genial de Adams sendo Adams, fato que não persistiu no resto da obra.

De acordo com o Guia, os golfinhos são mais espertos que nós. E se eles tivessem escrito esse livro, seria tudo diferente?

Fui severo nas pichações porque gosto muito da série e detestei o fato dela ter um volume mediano como esse, tornando-se irregular. Aprecio demais o trabalho de Adams, mas quando ele erra a mão eu tenho que falar, embora isso seja nada menos que decepcionante. Dependendo do leitor e de seu humor, o livro pode até ser divertido, mas fica longe dos outros três anteriores.

Dessa vez Marvin pode reclamar a vontade.

Nota 6,0

Perguntem só para o Marvin o que ele achou sobre isso tudo…

Anúncios

Publicado em quarta-feira,17 novembro,2010, em Literatura, Resenhas Literárias e marcado como , , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: